Novas Funcionalidades! Parâmetros, Consumos Reais e Rastreabilidade de Lotes

 

Era você que estava à espera de poder usar produtos com parâmetros, introduzir consumos reais ou de ter rastreabilidade de lotes? Não espere mais, a partir de hoje tem tudo isso no Prodsmart!

Começando pelos parâmetros, esta funcionalidade permite-lhe produzir diferentes variações do mesmo produto, utilizando as mesmas operações. Esta parametrização dos produtos será particularmente útil para, por exemplo, empresas da indústria têxtil como poderá ler no artigo no nosso Centro de Ajuda: http://help.prodsmart.com/portugues/novas-funcionalidades/produtos-com-parametros

Parameters

Já os consumos reais servirão para ter os seus trabalhadores a introduzirem as quantidades reais de consumo para cada produção e a rastreabilidade de lotes permitirá saber de que lotes vêem os materiais consumidos. Isto ajudará sobremaneira qualquer fábrica em auditorias e certificações (como a Certificação HACCP) e noutros requisitos legais em vigor, sendo as empresas do sector alimentar as maiores interessadas. Para saber mais sobre esta nova funcionalidade e como a poderá usar imediatamente, leia também o artigo no nosso Centro de Ajuda: http://help.prodsmart.com/portugues/novas-funcionalidades/consumos-reais-e-rastreabilidade-de-lotes

Lot Traceability

Para estar sempre a par das novas funcionalidades que lançamos, basta ir ao Changelog no nosso Centro de Ajuda ou então no próprio Prodsmart, no menu superior em Ajuda/Novas Funcionalidades.

 

Prodsmart junta-se a outras 3 empresas portuguesas para mostrar que a Indústria 4.0 está ao alcance de todos

 

No passado dia 30 de Janeiro estivemos em Leiria no evento Indústria 4.0 – Economia Digital, um evento promovido pelo Ministério da Economia e que serviu para apresentar as medidas da iniciativa Indústria 4.0.

Nesse evento unimos forças com outras 3 empresas e, numa colaboração inédita no país, criamos uma solução tecnologicamente avançada e instantânea virada para a tendência da Indústria 4.0 e que junta o melhor de cada uma das nossas propostas de valor.

Ao nosso software de gestão da produção para a indústria juntaram-se a BEEVERYCREATIVE, empresa que desenvolve tecnologia de impressão 3D e lançou a primeira impressora 3D portuguesa, a Cadflow, com o software de modelação CAD 3D, e a Follow Inspiration, com o já reconhecido wiiGO ligado à área da robótica.

Industry 4.0 Event02

A solução mostrou como o consumidor final poderá ter controlo sobre a produção de qualquer coisa num futuro muito próximo. O Prodsmart permitiu configurar objectos prontos para serem impressos imediatamente numa das impressoras 3D da BEEVERYCREATIVE, indepentemente da sua localização. Um desses objectos foi modelado pela Cadflow e foi entregue no palco do evento por um robot wiiGO da Follow Inspiration, sendo o processo do início ao fim da produção controlado integralmente pelo Prodsmart.

O evento contou com dezenas de empresas ligadas ao sector e também com o Secretário de Estado da Indústria, João Vasconcelos, o Ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, e com o Primeiro Ministro, António Costa, que teve a oportunidade de testemunhar de perto esta parceria nacional e de ser o seu primeiro utilizador.

Vê também todas as fotos do evento aqui!

 

A Prodsmart oferece-lhe 8 meses. Só até 6 de Janeiro! 🎅🎄🎁

 

Nesta época tão especial, o Pai Natal da Prodsmart tem um presente único para lhe oferecer!

Até 6 de Janeiro subscreva a Prodsmart por 2 anos e pague só 16 meses.

Não perca esta oportunidade! Ligue-nos já para o 📞 +351 915 605 998 📞 e fique a saber como a Prodsmart pode ajudar a sua fábrica imediatamente.

Se quiser ter informação sobre o estado da sua produção em tempo real experimente grátis agora.

 

Estou a falar contigo! ERP? MES? MOM? Vamos ‘chamar as coisas pelos nomes’ 👉

 

24Desde a primeira Revolução Industrial, no século XVIII, que a indústria tem sofrido diversas mudanças. Tornou-se cada vez mais profissional e especializada, permitindo maiores ganhos de produtividade por trabalhador e, consequentemente, uma maior quantidade de produtos produzidos.

Charlie Chaplin
Já não precisamos de fazer tudo numa fábrica 🙂

Se no início esta revolução foi baseada no vapor, carvão e ferro, hoje em dia é a revolução digital que permite fazer coisas antes inimagináveis. No entanto, há um ponto em comum entre os dois momentos históricos: as pessoas.

A verdade é que as fábricas, os processos e os produtos têm mudado significativamente mas sempre com a presença de mão humana. O resultado é uma indústria mais forte e competitiva.

Hoje em dia é claro em quase todos os sectores industriais que vai ter que haver sempre um equilíbrio entre a parte humana e mecânica/informática da fábrica. É precisamente neste equilíbrio que reside o sucesso da produção dessa fábrica. Sem as máquinas voltaríamos rapidamente a um tempo anterior à Revolução Industrial. E sem as pessoas nunca teríamos o nível de flexibilidade e eficiência que temos actualmente.

Mas nem tudo são robôs!
Mas nem tudo são robôs!

Este equilíbrio levou a que as fábricas se organizassem necessariamente à volta de vários sistemas que permitem que todos os departamentos da empresa, desde a produção à parte financeira, estejam interligados. E é exactamente sobre esses sistemas que falamos a seguir:

O que é um ERP?

ERP significa Enterprise Resource Planning – ou “Planeamento de Recursos Empresariais” – e é um software virado para a vertente de gestão/negócio da empresa. Este tipo de softwares permitem, por exemplo, ligar o marketing e as vendas da empresa à produção, dando visibilidade sobre ordens de produção, cash-flow, capacidade de produção e encomendas. Este sistema é crucial para qualquer organização e a verdade é que o mercado de desenvolvimento deste tipo de sistemas é bastante popular, seja para pequenas ou grandes empresas. No entanto, muitas vezes acaba por falhar na obtenção dos dados que vêm directamente da produção (do chão da fábrica) pelo facto de não estarem ligados através de qualquer dispositivo. Isto faz com que o gestor, que é a pessoa que normalmente usa o ERP da empresa, parta muitas vezes de pressupostos que não estão correctos e recebendo a informação quando às vezes já é tarde para tomar decisões sobre ela.

O que é um MOM?

MOM é Manufacturing Operations Management – ou “Gestão de Operações de Manufactura” – e não é mais do que uma metodologia para visualizar todo um processo de manufactura com o objetivo de optimizar a eficiência. Há diversos tipos de software MOM para variados propósitos como gestão da produção, análise da performance, qualidade e Human Machine Interface (HMI – Interface Homem-Máquina). Este tipo de software já é utilizado no contexto da produção e, por isso, permite que qualquer trabalhador controle todos os processos industriais através de um interface num computador.

O que é um MES?

Manufacturing Execution System – ou “Sistema de Execução de Manufactura” – é um sistema utilizado nas indústrias de manufactura para rastrear e documentar a transformação de matérias-primas em produtos acabados. Os softwares baseados neste sistema dão aos gestores da fábrica informação sobre a produção para compreender como o chão de fábrica pode ser optimizado com vista à melhoria do resultado final. Funcionam em tempo real (ao contrário do ERP), permitindo controlar diversos factores do processo de produção (pessoas, máquinas, etc.). Entre as vantagens que um software deste género traz à fábrica incluem-se a redução de desperdícios, a eliminação de papel e a redução de inventário.

O que é um SCADA?

Significa Supervisory Control and Data Acquisition – ou “Controlo de Supervisão e Aquisição de Dados” – e está no patamar dos sistemas mais próximos da produção. É um sistema para monitorização e controlo remoto que opera por sinais programados sobre canais de comunicação. Este sistema tem uma maior automatização visto que está ligado a diversos canais que ligam e recolhem informação dos equipamentos remotos. O resultado final ao nível da informação obtida acaba por ser bastante semelhante ao de um MES, sendo a maior diferença a automatização da sua recolha.

giphy

A conclusão rápida é que existem diversos níveis de sistemas dentro da mesma fábrica. Em cada um desses níveis há diversos softwares que permitem informatizar esse sistema e obter diversas vantagens para a sua produção e é importante perceber que, por exemplo, um ERP, mesmo parecendo bastante completo, nunca irá dar os mesmos resultados que um MES ao nível da produção.

É precisamente aí que a Prodsmart se encontra, procurando ligar a produção à gestão da fábrica de uma forma fácil e rápida. Se está à procura de um software que se ligue ao chão de fábrica da sua fábrica e lhe dê informação em tempo real da sua produção, sem qualquer papel, não vá mais longe! Entre em contacto connosco – hello@prodsmart.com ou 915 605 998 – e tenha uma demonstração remota de todas as potencialidades da Prodsmart, de forma totalmente gratuita. Registe-se também no nosso free trial em http://app.prodsmart.com/signup.

 

Workshop “Indústria 4.0” no Parque Tecnológico de Óbidos

 

No próximo dia 20 de Setembro (3ª F), a convite do Parque Tecnológico de Óbidos, daremos um workshop sobre a Indústria 4.0, nomeadamente tudo o que envolve a recolha e tratamento de dados em tempo real. Este workshop será dado em estreita colaboração com o nosso parceiro João Diniz.

Sabe o que é a Indústria 4.0 e como pode ajudar a sua fábrica? Consegue controlar os tempos da sua produção? Sabe quanto tempo gasta com todos os registos em papel? Estas serão algumas das questões abordadas e que poderá obter resposta participando neste workshop.

Esta será a agenda do evento:

Cartaz V02

Deixamos também aqui o nosso agradecimento a todos os restantes parceiros que tornaram este evento possível – Parque Tecnológico de Óbidos, Núcleo Inicial Business Solutions e Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã.

O workshop é totalmente gratuito e não necessita de inscrição, bastando aparecer. Contamos com a sua presença!

Cartaz Workshop Industria 4 0 Final

 

Mãe, de onde vêm as canetas?

 

Já alguma vez se questionou de onde alguma coisa vinha? Como o que comeu hoje ao pequeno-almoço ou a cadeira onde está sentado agora mesmo?

Bem, eu sempre perguntei isso desde que me lembro. Tanto que acho que a minha mãe está ainda hoje cansada de responder a todas as minhas perguntas.

Por isso, em vez de a chatear outra vez, desta vez apanhei um voo e fui à Alemanha verificar com os meus próprios olhos de onde vêm as canetas. Acredite ou não, elas não vêm das árvores. 😊

Visitei a Learning Factory da Mit Uns Digital!, em Hannover, para saber finalmente como escrevo hoje em dia sem uma pena e tinta – tem menos classe mas é definitivamente mais prático. Claro, mesmo a indústria das canetas sofreu várias evoluções nas últimas décadas e aquilo que eu vou descrever é provavelmente Pen Creation 4.0. Nós gostamos disto do “Qualquer Coisa” 4.0.

Mit Uns Digital! é parte de diversas organizações e iniciativas como a Netzwerk Industrie 4.0 Nierdersachsen e a Mittelstand 4.0 Kompetenzzentrum Hannover, esta última criada pelo Ministério da Economia em Niedersachsen. Brevemente daremos mais notícias sobre o trabalho que estamos a desenvolver em conjunto.

1º Passo – Personalização e QR code: algumas décadas atrás provavelmente precisava de outra caneta para escrever numa caneta. Mas agora só precisa de um ecrã, de um teclado e de um rato e pode escrever e apagar qualquer coisa que queira e mesmo personalizar todas as cores. Esta foi a nossa forma de celebrar o facto de termos ganho o Euro 2016. Portugal ainda não produz canetas como estas mas damos à luz campeões europeus.😁⚽️🏆

Customised pen

2º Passo – O tabuleiro e o registo do trabalho: depois do processo de configuração, vem o “tabuleiro dos biscoitos”.🍪😁🍪 Na verdade o tabuleiro não vai ao forno mas irá validar se tem todas as peças necessárias para criar a caneta com que sempre sonhou.

IMG_2846

Pen cradle

3º Passo – Corte: nunca foi tão viciante ver vezes sem conta alguma coisa ser cortada como esta bonita caneta!

4º Passo – Escolher os componentes: pode escolher QUALQUER COISA, mesmo a mola! Não há máquinas aqui mas os seus dedos fazem o trabalho igualmente.

Choosing the components

Choosing the components

5º Passo – Gravação a laser personalizado: desculpe pelo vídeo não tão sexy e desfocado abaixo mas prometo-lhe que isto é espectacular. Afinal estará a deixar a sua marca no mundo (mesmo que seja uma caneta)!

6º Passo – Robot de controlo de qualidade: eles têm mesmo o seu próprio robot para garantir que a sua caneta é nada menos que perfeita!

7º Passo – A caneta finalizada: apenas uma caneta para alguns, A CANETA para si. Lembre-se, ela é única neste mundo e mais de 27 milhões de canetas são feitas todos os dias. Deve ficar orgulhoso.

Euro Champions!

O Principal Passo – A equipa: pode ter dezenas de robots e máquinas mas estes senhores têm o conhecimento e o bom gosto para criar canetas bonitas. No que toca a avaliação de beleza, o ser humano ainda é melhor.

The team

Obrigado Mit Uns Digital!, nomeadamente Karl Doreth e Michael Rehe, Marian Koller (Netzwerk Industrie 4.0) e Thorsten Schwanert (Ministério da Economia em Niedersachsen) por me terem recebido. Esperamos colaborar no futuro de diversas formas. 👏✌️

Prodsmart na DW (Canal de TV Alemão)

 

No passado mês de Junho recebemos no nosso escritório uma equipa do canal de televisão DW, um dos maiores na Alemanha. Com o objectivo de fazer reportagem sobre como Portugal está a recuperar da crise, a Prodsmart foi destacada como um dos exemplos de novas empresas tecnológicas e inovadoras que estão cada vez mais a aparecer no país.

Veja também como a Science4You, um dos maiores produtores de brinquedos na Europa, está a usar a Prodsmart para melhorar e automatizar os seus processos produtivos! E se quiser experimentar, registe-se no nosso free trial aqui: http://app.prodsmart.com/signup.

 

Web 2.0 + Indústria 4.0 = Pessoas 6.0

 

Originalmente publicado no Dinheiro Vivo

Acreditamos que, num mundo cada vez mais digital, o mais importante da tecnologia são as pessoas.

Psst! Tu aí! Sim, tu mesmo. Não a empresa onde trabalhas. Tu. Estou a falar contigo. Tu, que usas o Google para te ajudar nas decisões diárias. Tu, que vais ao Facebook e encontras anúncios ao que acabaste de pesquisar. Tu, que tens um smartphone dentro do bolso, estás habituado a boas interfaces e a hábitos de consumo de software adequados aos tempos. Tu, que podes experimentar produtos antes de os comprares e garantir que funcionam para ti. Tu, que os podes comprar depois dessa experiência e usá-los dentro da empresa de forma independente, sem grandes burocracias e processos de decisão longos. É contigo que estou a falar. É contigo que estamos a falar!

É isto que fazemos na Prodsmart todos os dias: falamos com as pessoas. Acreditamos que num mundo cada vez mais digital o mais importante da tecnologia são as pessoas. É por elas e para elas que desenvolvemos o nosso trabalho diário. A Web 2.0 é social. A Prodsmart também. Talvez por nos assumirmos como o batimento cardíaco da fábrica. Estas referências ao coração tornam-nos lamechas.

Isso reflete-se na forma como abordamos e nos relacionamos com os nossos utilizadores atuais e futuros. O vendedor B2B está morto no século XXI. Se a experiência de utilização e a forma como compramos (ou alugamos) software mudou na nossa vida pessoal, não há razão para estarmos agarrados a paradigmas com 40 anos no local de trabalho. Falamos diretamente com as pessoas dentro da organização e empoderamo-las. Damos-lhes capacidade de decisão rápida, processos de implementação de software curtos e feitos de forma autónoma, com um preço e um nível de serviço ajustados às suas necessidades e utilização. Mas a relação da Prodsmart com as pessoas não acaba aqui: somos uma camada de automação virtual que transforma qualquer linha de produção numa fábrica digital, unindo pessoas, processos e máquinas, transformando os operadores em knowledge workers e ajudando os gestores a tomar decisões informadas.

Sentimos que o conceito da Indústria 4.0 está profundamente quebrado. Demasiado focado em máquinas e dados e pouco focado em informação, processos e pessoas.

Contudo, a esmagadora maioria do tecido industrial mundial é composto por empresas muito pequenas, que não têm acesso ao nível de sofisticação que se propõe. O papel das pessoas é extremamente importante nas PME da manufatura. Levamos ainda esta capacidade de decisão ao comprador final: à pessoa que vai calçar aqueles sapatos estilosos, comer à colherada aquele gelado que causa brain freeze ou dormir a sesta na sua chaise longue de design italiano. Tudo isto é produção. Através da interligação de ecossistemas produtivos inteiros, que chegam ao comprador final, a Prodsmart dá a este a capacidade de escolher exatamente de que cor e forma quer os seus sapatos e iniciar todo o processo de produção, até que o produto final lhe chega à porta. Se se tiver enganado no número dos sapatos, pode sempre repetir o processo e encomendar agora umas palmilhas, também estas completamente à medida. A Web 2.0 é social. A Prodsmart também. Vamos socializar?

Fotografia: Miguel Pereira / Global Imagens

 

Prodsmart na HANNOVER MESSE 2016

 

Entre 25 e 29 de Abril, a Prodsmart esteve presente na Hannover Messe, na Alemanha, a maior feira do mundo de tecnologia industrial.

Com muitas empresas a seguirem a tendência da Indústria 4.0, foram apresentados vários produtos e tecnologias que irão contribuir para fábricas mais inteligentes e para o futuro da indústria de manufactura. Este ano estiverem mais de 5.200 empresas a exibirem e 200.000 visitantes.

Esta edição recebeu também a visita do Presidente dos EUA Barack Obama e da Chanceler alemã Angela Merkel. E nós temos uma selfie para o provar! 🙂

HM01HM02

 

 

Prodsmart na Hannover Messe 2016

 

Entre o dia 25 e 29 de Abril, a Prodsmart esteve presente na Hannover Messe, na Alemanha, a maior feira de indústria tecnológica no mundo.

Com muitas empresas a seguirem a tendência da Indústria 4.0, as empresas apresentaram diversos produtos e tecnologias que irão contribuir para fábricas inteligentes e para o futuro da indústria da manufactura. Este ano estiverem mais de 5.200 empresas a exibirem-se e 200.000 visitantes.

 

Esta edição recebeu também a visita do Presidente dos EUA Barack Obama e da Chanceler alemã Angela Merkel. E temos uma selfie para o provar! 🙂

HM01HM02

 

 

Your browser is out of date. It has security vulnerabilities and may not display all features on this site and other sites.

Please update your browser using one of modern browsers (Google Chrome, Opera, Firefox, IE 10).

X

Deixe-nos os seus contactos para que
possamos entrar em contacto consigo.

Nome*:

E-mail*:

Telefone*:

*Para facilitar o contacto, todos os campos são de preenchimento obrigatório.

×

Please fill the form below. We'll be in touch with you soon.

Name:

E-mail:

Phone number:

×

Geben Sie uns Ihre Kontaktdaten,
damit wir Sie kontaktieren können

Name (obligatorisch):

Email (obligatorisch):

Telefon (obligatorisch):

×